Negras e donas das suas histórias

Por Denise Mota

Mulheres negras donas das suas histórias e inspiradoras de mudança. Duas delas estão reunidas em um só lugar: na sessão especial do Cine Matilha organizada em torno da temática do empoderamento feminino negro.

A sala de exibição, que tem como diferencial aceitar espectadores com seus cachorros, apresenta no dia 6 de maio, sábado, os documentários de curta-metragem “Esse Bumbo É Meu” (duração: 15 minutos), dirigido por Paula Simões e Ruy Reis, e “Carolina – O Filme” (duração: 15 minutos), de Camilla Lima, Fernanda Pithan, Jéssica Cruz, Natália Francis e Felipe Nunes.

Cena de “Esse Bumbo É Meu”, em exibição no Cine Matilha (Divulgação)

“Esse Bumbo É Meu” retrata a luta de um grupo de mulheres para preservar a cultura dos seus ancestrais: o samba de bumbo, ou samba rural paulista, expressão musical tradicional afrobrasileira.

“Carolina – O Filme” é uma cinebiografia resumida da escritora Carolina de Jesus que estabelece pontos de contato e diálogo com a trajetória da poeta Tula Pilar.

As duas produções se fundirão na apresentação que Tula fará no espaço cultural, com seu Grupo de Samba de Bumbo de Dandara. Além do espetáculo musical, a poeta mostrará uma cena de peça inspirada na sua história e na de Carolina de Jesus. Também haverá um bate-papo com os realizadores dos curtas. Em discussão, empoderamento feminino, poesia e samba. Prato cheio.

Esse Bumbo É Meu e Carolina – O Filme
6 de maio, às 14h
Matilha Cultural – r. Rego Freitas, 542, Centro, São Paulo; tel. (11) 3256-2636
Entrada gratuita